12 dezembro 2010

Casa da Luz - primeiro estudo

Na sexta-feira, acordei a meio da noite com esta fotografia na cabeça.
Não aguentei sem a ir fazer.
Há muita coisa a apurar, mas a ideia é boa.

10 comentários:

Carlos Romao disse...

A ideia é boa e a foto também. Que dinamismo!

pbl disse...

Um comentário positivo de um dos melhores fotógrafos do Porto é uma honra.


(ficará boa quando a fizer direito. É preciso obter maior detalhe nos traços de luz brancos, cobrir a parte frontal de traços vermelhos, obviar à distorção do roxo da fachada do edifício e combater o ruído nas faixas de luz brancas dos autocarros)

(vou experimentar de um perspectiva mais baixa, com um tempo de exposição mais longo. E fazer em raw para tentar manipular digitalmente o ruído)

mac disse...

Pois.
E que tal exercitar a arte e a máquina com coisas comezinhas como a Pancrácia?

Se tiver arte suficiente pode dar também prémios e encómios mas de qualquer maneira dará contentamento à malta pobrezinha.

Ou então dê novo nome ao blog: "Fotografias da minha alma" ou qualquer outra coisa assim cheia de sei lá o quê.

Tenho dito, ugh.

pbl disse...

Que resmungona!
Podia ao menos dizer está bonito, está feio, gosto, não gosto.
Mas não.
Tem logo que mandar vir.
Até ia fazer um retrato do tanque esta semana, mas, de castigo, só o ponho depois do Natal.

Nuno Almeida disse...

Mais tempo.
Dá-lhe mais tempo, com o ISO no mínimo.
Relativamente ao ângulo, penso que mais picado de baixo para cima ficava giro.

pbl disse...

É essa a minha ideia, Nuno, como disse acima.

Nuno Almeida disse...

Eu estava a concordar contigo, mas de facto agora que leio o que escrevi dá a ideia de que não li o que escreveste.
O português é muito traiçoeiro!

privada disse...

Dom Nuno o plagiador, bah.
Como é ke consegue fazer isso, está fantastico, seria uma excelente imagem promocional.

privada disse...

Isto está a inquitar-me o espirito, passei no fim de semana e pensei ke o local necessitava de mais luz, pensei ate em projecções com palavras no monumento ou aquelas cordas virtuais com anuncios à programação, e agora o efeito ke idealizei aparece na foto... mas o meu iluminava tbm o topo do monumento aos herois da guerra peninsular

pbl disse...

O Senhor Privada não sabe que eu leio mentes?
Pois é...

(estas imagens são feitas com um tempo de obturação muito grande)
( em vez de 1/50 ou 1/100, o obturador fica aberto 5 minutos)
(tudo o que é luz que passe em frente da lente nesse período fica registado no sensor)
(no caso, em cima, as luzes dos autocarros e de um veículo do INEM e, em baixo, os faróis dianteiros e luzes de stop dos carros)